Pular para o conteúdo principal

Tornando seu empreendimento mais sustentável

Qualquer tipo de empreendimento pode se tornar mais sustentável, desde o mercadinho da esquina a uma imensa fazenda de cacau. Mas então o que é preciso para isso?

Primeiro é necessário conhecer bem o seu negócio e seu processo produtivo, pois assim será mais fácil identificar falhas e desperdícios. Nesse ponto os funcionários pode contribuir muito, pois estão mais próximos e mais por dentro do processo produtivo.

Além disso é necessário que seus gestores tenham muito bom senso e estejam dispostos a combater os desperdícios, a poluição, reduzir os impactos negativos de seus produtos e serviços.

Existem uma variedade de medidas que podem ser implantadas em uma empresa para torná-la mais sustentável, algumas mais simples e outras que exige um pouco mais de esforço.

Em algumas indústrias, por exemplo, é possível vender seus resíduos para outras empresas. Para isso basta fazer a segregação correta e pesquisar possíveis compradores, que inclusive muitas as vezes, vão buscar os resíduos, não sendo necessário arcar com o transporte. Isso gera uma redução do volume para o aterro e, consequentemente, redução de gastos com os mesmos e também o lucro da venda.

Outra medida é o aproveitamento de água no processo produtivo, isso contribui na redução na captação o volume de água, economizando os gastos com a compra de água.

Um exemplo:

A empresa norte-americana 3M, fabricante de alguns produtos famosos como o durex e o post-it, foi uma das pioneiras na incorporação da ecoeficiência em seu processo produtivo. Em 1975, iniciou o Programa Pollution Prevention Pays (3P - Prevenir a Poluição Compensa), após algumas mudanças em procedimentos para evitar a geração de resíduos na fonte, deixou de emitir cerca de 857 mil toneladas de poluentes.  

Em um de seus armazéns, em Sumaré (SP), com algumas alterações em sua estrutura,  como a abertura de janelas laterais, permitindo a entrada de luz natural, o clareamento das paredes e a substituição de telhas opacas por outras transparentes foi possível dispensar a iluminação elétrica durante o dia. Assim, a empresa deixou de gastar cerca de 44200 Kwh/mês, energia suficiente para abastecer aproximadamente 200 residências.

Diminuir impactos negativos é possível e muitas vezes não é necessário gastar muito e nem mudar tanto o processo produtivo ou a infraestrutura do estabelecimento, no entanto, é necessário muita vontade de querer mudar e tornar-se seu empreendimento mais sustentável e isso, consequentemente, trará benefícios para a empresa, tornando-a mais atrativa no mercado, sem contar as economias e para a preservação do meio ambiente.

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Reforma de casa também precisa de autorização da prefeitura?

Com o passar do tempo é normal que um imóvel necessite de alguma mudanças, seja devido a alguns degastes ou só por um desejo do morador de renovar a casa, deixando-a mais confortável e bonita. Portanto, antes de iniciar uma obra é importante consultar um especialista na área (arquiteto ou engenheiro civil) para orientar nos procedimentos a serem tomados.

Algumas reformas podem ser realizadas sem a aprovação da prefeitura, como pinturas, substituição de portas e pisos, no entanto, qualquer intervenção que modifique a concepção original, em que haja acréscimo ou supressão de área do imóvel em relação ao projeto original ou que altere a mudança do seu uso (de residencial para comercial, por exemplo) precisam obrigatoriamente de Alvará de Aprovação de Reforma que é solicitado na Prefeitura mediante a apresentação do projeto com as devidas alterações. Também é necessário ficar atentos aos entulhos gerados na reforma, que devem ser descartados em caçambas regularizadas pela prefeitura.
Cada…

Tratamento de Esgoto - Parte II

Tratamento Preliminar

O tratamento preliminar objetiva principalmente à remoção de sólidos grosseiros e areia, através de mecanismos físicos. Essa etapa do tratamento é composto basicamente por grades, desarenador (caixa de areia) e um medidor de vazão (ex: calha Parshall) (ver figura abaixo).

Adaptado de Von Sperling, 2005.
GradesAs grades são responsáveis pela remoção dos sólidos grosseiros. No gradeamento, o material de dimensões maiores do que o espaçamento entre as barras é retido. A remoção desse material retido pode ser manual ou mecanizada, que irá depender do tipo de grades utilizada em cada ETE.

Finalidades da remoção de sólidos grosseiros: Proteger as unidades de tratamento subsequentes; Proteger as bombas e tubulações (dispositivos de transporte do esgoto); Proteger os corpos receptores.
Desarenadores (caixa de areia)
Os desarenadores são responsáveis pela remoção da areia contida nos esgotos. Através do mecanismo de sedimentação, os grãos de areia, por terem maiores dime…

‘POLÍTICA AMBIENTAL: Linha do tempo - Evolução da legislação ambiental brasileira.’

Um breve resumo da legislação ambiental no Brasil de 1906 a 2011.

OBS: Por favor, para uma melhor visualização, abrir a imagem em uma nova aba e dar zoom.





Fontes:
* Site do Ministério do Meio Ambiente. Acesse Aqui!
* Site do Planalto. Acesse Aqui!