Pular para o conteúdo principal

Método de Construção Alternativa - Light Steel Framing

O que é

Light Steel Framing é um tipo de método construtivo que utiliza o aço galvanizado como principal elemento estrutural. O sistema também é conhecido como: Estruturas em Aço Leve, Construção LSF ou Construção com Aço Galvanizado.

Traduzindo: a palavra “steel” indica o tipo de matéria prima utilizado na estrutura, o aço. “Light” , (leve, em português) sugere que os elementos em aço são de baixo peso, pois são utilizados chapas de aço com espessura reduzida. E a palavra “framing”, pode ser traduzido por ‘esquelo estrutural’ ou simplesmente ‘estruturas’.

                         Fonte: Futureng

Origem e história

No século XIX, nos Estados Unidos, a população multiplicou-se, sendo necessário recorrer aos materiais disponíveis localmente e a métodos práticos que permitissem o aumento da produtividade na construção de habitações.

A aplicação em aço, foi impulsionado, em 1980, devido a proibição da exploração das florestas mais antigas. Isso levou a um aumento no preço dessa matéria prima e, consequentemente, ao seu declínio na construção civil. Como o aço, na época, era um recurso abundante, os construtores passaram a empregá-lo para substituir as estruturas de madeiras.

A partir daí criaram-se associações de técnicos e construtores  e o LSF começou a ser utilizado profissionalmente.

Algumas Vantagens

  • Segurança estrutural

    • Embora muitos possam duvidar da resistência desse tipo de construção, por utilizar materiais leves em contrastes com o concreto.  A resistência da estrutura  é assegurada pelo metal e em nada difere de uma casa de alvenaria;

    • Por não precisar de vigas ou colunas de apoio isoladas, todas as paredes exteriores podem ser consideradas como estrutura da casa. Dessa forma o baixo peso e a uniformidade na distribuição das cargas, atenua os pontos de concentração de forças e tensões, tornando a estrutura flexível, adaptada às variações do terreno, diminuindo a possibilidade de fissuras nas paredes e reduzindo o risco de queda de colunas ou de placas na eventualidade de um terramoto.

  • Isolamento térmico e acústico

    • Resultado termo-acústico superior ao sistema convencional, devido ao uso de materiais nobres inerentes ao processo, placas de poliestireno expandido, OSB, vários centímetros de lã mineral e placas de gesso laminado, elementos impermeabilizantes que permitem a trocar de ar constante, mantendo adequados índices de temperatura e umidade.

  • Prazos reduzidos e facilidades de montagem

    • Algumas características e técnicas utilizadas nas construções com LSF, como baixo peso dos materiais, utilização de sistemas de fixação mecânica ao invés do cimento, a aplicação de argamassas de rápida secagem para rebocos exteriores, a facilitada colocação de tubagens e condutores elétricos entre técnicas fáceis e rápidas, diminuem consideravelmente a mão de obra e, consequentemente, o tempo necessário para a conclusão dos trabalhos.

  • Manutenção mais fácil

  • Preços competitivos

    • As construções em LSF são comercializadas por valores semelhantes a qualquer outra habitação. Isso é possível devido à menor utilização de mão de obra aliado a uma gestão eficiente de recursos. Poupa-se na mão de obra e investe-se na qualidade dos materiais.

  • Sustentabilidade

    • Aço é um recurso reutilizável, reciclável e reaproveitado;

    • O baixo peso dos materiais reduz os meios de transportes e consequentemente o consumo de combustíveis;

    • Menor impacto no entorno do empreendimento, diminuição de ruídos, constantes movimentos de veículos entre outros impactos, devido ao prazos reduzidos na construção;

    • Economia de energia depois de pronta devido ao bom isolamento térmico;

    • Minimização de desperdício de materiais no local.


Fonte:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Etapas de um Projeto de Engenharia Civil

Cada projeto tem suas próprias características, mas basicamente um projeto é estruturado de acordo com as seguintes etapas:
Programa de Necessidades
Inicialmente é realizado o Programa de Necessidades, uma das etapas mais importantes na elaboração do projeto. Nessa fase ocorre uma reunião com o cliente, denominado "Reunião de Briefing". Nesse encontro o cliente informa o que ele quer no projeto como quantos cômodos terá a construção, tipo de acabamento, seus gostos e preferências, etc.
Também é realizado um estudo de viabilidade financeira, onde será analisado se a previsão de investimento do cliente será suficiente para fazer tudo que foi acordado ou se será necessário redimensionar o projeto.
E ainda, nessa reunião são coletados os documentos da propriedade para ver se está tudo regularizado. Importante não pular essa etapa pois pode evitar retrabalhos futuras.
Visita ao Local / Levantamento de Dados
Nessa etapa é analisado as questões legais do empreendimento, o estudo do …

Importância do EIA/RIMA - Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental no licenciamento de empreendimentos

A legislação brasileira e estrangeira estipula aos empreendedores a apresentação de estudos de impacto ambiental para o licenciamento ambiental de atividades econômicas. A definição de quais estudos ambientais serão utilizados vai depender do grau de impacto ambiental envolvido e da análise dos órgãos ambientais competentes.
No caso do licenciamento de atividades modificadoras do meio ambiente, tais como: ferrovias; portos; terminais de minério, petróleo e produtos químicos; oleodutos, entre outras atividades (especificadas na resolução Conama 001/86), é necessário a elaboração de estudo de impacto ambiental (EIA) e respectivo relatório de impacto ambiental (RIMA), a serem submetidos à aprovação do órgão estadual competente, e da Secretaria Especial do Meio Ambiente (SEMA) em caráter supletivo.
A exigência de apresentação de estudos ambientais é importante, pois destina-se verificar  a viabilidade ambiental do negócio a ser instalado ou operado pelo empreendedor, servindo para preven…

‘POLÍTICA AMBIENTAL: Linha do tempo - Evolução da legislação ambiental brasileira.’

Um breve resumo da legislação ambiental no Brasil de 1906 a 2011.

OBS: Por favor, para uma melhor visualização, abrir a imagem em uma nova aba e dar zoom.





Fontes:
* Site do Ministério do Meio Ambiente. Acesse Aqui!
* Site do Planalto. Acesse Aqui!