Pular para o conteúdo principal

RIO + 20

Fique por dentro do RIO + 20

  • O Rio +20 é uma Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento sustentável, que está prevista para acontecer em junho de 2012 no Rio de Janeiro.

  • A conferência tem como meta definir formas concreta de tornar a economia mundial mais sustentável e também se propõe a fazer o balanço (um diagnóstico) dos resultados originados na Eco 92. A conferência tratará do seguintes temas:
    • economia verde no contexto do desenvolvimento sustentável e a erradicação da pobreza;
    • o quadro institucional para o desenvolvimento sustentável.


  • Breve histórico de conferência da ONU sobre desenvolvimento sustentável:

    • 1972
      • Conferência das Nações Unidas sobre o Ambiente Humano, realizada em Estocolmo;
      • Juntou as nações industrializadas e em desenvolvimento para delinear os "direitos" da família humana a um ambiente saudável e produtivo.
    • 1980
      • União Internacional para recursos naturais (UCN);
      • Publicou a estratégia de conservação mundial (WCS);
      • Determinou um precusor do conceito de desenvolvimento sustentável.

    • 1982
      • Foi aprovado a carta mundial para a natureza, em que a mesma afirmou: “a humanidade é uma parte da natureza e da vida e depende do funcionamento ininterrupto dos sistemas naturais”.

    • 1983
      • Criação da Comissão mundial sobre meio ambiente e desenvolvimento (WCED);
      • Em 1984, foi constituído como um órgão independente pela Assembléia Geral das Nações Unidas;
      • WCED foi convidado a formular "uma agenda global para mudança";
      • O relatório entrelaçou as questões sociais, econômicas, culturais e ambientais e soluções globais, reafirmando que o ambiente não existe como uma esfera separada das ações humanas, ambições e necessidades.  Ambiente e desenvolvimentos  são inseparáveis. 
    • 1992
      • Primeira Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (UNCED);
      • Realizada no Rio de Janeiro em junho de 1192;
      • Foi adotado uma agenda de meio ambiente e desenvolvimento no século 21 (Agenda 21) - Agenda 21: Um Programa de Ação para o Desenvolvimento Sustentável que contém a Declaração do Rio sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, reconhecendo o direito de cada nação para perseguir o progresso social e econômico e atribui aos Estados a responsabilidade de adotar um modelo de desenvolvimento sustentável e a Afirmação dos Princípios das Floresta.

    • 1993
      • A UNCED instituiu a Comissão sobre Desenvolvimento Sustentável (CSD) para o acompanhamento sobre a implementação da Agenda 21.

    • 1997
      • Em Junho de 1997, a Assembléia Geral dedicou a sua 19ª Sessão Especial (UNGASS-19) para projetar um "Programa de Implementação da Agenda 21".

    • 2002
      • Dez anos após a Declaração do Rio, uma conferência de acompanhamento, a Cimeira Mundial sobre Desenvolvimento Sustentável (CMDS) em Joanesburgo, foi convocada para renovar o compromisso global de desenvolvimento sustentável;
      • A conferência aprovou o Plano de Implementação de Joanesburgo (JPOI) e concedeu ao CSD a responsabilidade de acompanhar a implementação do desenvolvimento sustentável.

    • 2009
      • Em 24 de dezembro de 2009 a Assembléia Geral da ONU aprovou uma resolução ( A/RES/64/236 ) concordando em manter a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (CNUDS) em 2012 - também conhecido como 'Rio +20' ou 'Rio 20’.


        Fontes:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Importância do EIA/RIMA - Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental no licenciamento de empreendimentos

A legislação brasileira e estrangeira estipula aos empreendedores a apresentação de estudos de impacto ambiental para o licenciamento ambiental de atividades econômicas. A definição de quais estudos ambientais serão utilizados vai depender do grau de impacto ambiental envolvido e da análise dos órgãos ambientais competentes.
No caso do licenciamento de atividades modificadoras do meio ambiente, tais como: ferrovias; portos; terminais de minério, petróleo e produtos químicos; oleodutos, entre outras atividades (especificadas na resolução Conama 001/86), é necessário a elaboração de estudo de impacto ambiental (EIA) e respectivo relatório de impacto ambiental (RIMA), a serem submetidos à aprovação do órgão estadual competente, e da Secretaria Especial do Meio Ambiente (SEMA) em caráter supletivo.
A exigência de apresentação de estudos ambientais é importante, pois destina-se verificar  a viabilidade ambiental do negócio a ser instalado ou operado pelo empreendedor, servindo para preven…

Etapas de um Projeto de Engenharia Civil

Cada projeto tem suas próprias características, mas basicamente um projeto é estruturado de acordo com as seguintes etapas:
Programa de Necessidades
Inicialmente é realizado o Programa de Necessidades, uma das etapas mais importantes na elaboração do projeto. Nessa fase ocorre uma reunião com o cliente, denominado "Reunião de Briefing". Nesse encontro o cliente informa o que ele quer no projeto como quantos cômodos terá a construção, tipo de acabamento, seus gostos e preferências, etc.
Também é realizado um estudo de viabilidade financeira, onde será analisado se a previsão de investimento do cliente será suficiente para fazer tudo que foi acordado ou se será necessário redimensionar o projeto.
E ainda, nessa reunião são coletados os documentos da propriedade para ver se está tudo regularizado. Importante não pular essa etapa pois pode evitar retrabalhos futuras.
Visita ao Local / Levantamento de Dados
Nessa etapa é analisado as questões legais do empreendimento, o estudo do …

‘POLÍTICA AMBIENTAL: Linha do tempo - Evolução da legislação ambiental brasileira.’

Um breve resumo da legislação ambiental no Brasil de 1906 a 2011.

OBS: Por favor, para uma melhor visualização, abrir a imagem em uma nova aba e dar zoom.





Fontes:
* Site do Ministério do Meio Ambiente. Acesse Aqui!
* Site do Planalto. Acesse Aqui!